Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cozinha Verde

A Cozinha Verde, da autoria de Filipa Range, tem como principal missão inspirar os portugueses a adotar hábitos alimentares mais saudáveis, ecológicos e compassivos, através da cozinha vegan.

Qui | 15.05.14

Trufas de caju e cenoura (sem glúten, sem açúcar)

 



Cajus

De grande valor nutricional, os frutos oleaginosos, onde se incluem os cajus, são bastante conhecidos pelo seu elevado teor calórico. Contudo,são alimentos riquíssimos em nutrientes e com diversos benefícios para a saúde, pelo que podemos e devemos incluí-los diariamente na nossa alimentação (de forma moderada).

 
Na sua generalidade, são ricos em minerais como o selénio, manganês, magnésio, zinco, potássio, fósforo e cálcio.
 
O seu consumo frequente e moderado está associado à redução do mau colesterol (LDL) e triglicerídeos e ao aumento do bom colesterol (HDL), prevenindo assim o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Por serem ricos em hidratos de carbono, constituem uma excelente fonte de energia.

Por conterem vitamina E e selénio, que apresentam função antioxidante, são essenciais para a formação e recuperação muscular.
 
 
Tâmaras
 
Esta fruta seco é altamente nutritiva, contem proteínas, sais minerais e vitaminas (principalmente a vitamina C). É um alimento doce, funcionando por isso muito bem como substituto saudável e natural do açúcar. São ainda ricas em fibras, potássio, ferro e cálcio.
 
Devido à sua composição de açúcares complexos, permite que o organismo tenha um metabolismo lento e demorado. Esta é uma propriedade muito interessante para quem pratica exercício físico numa base regular.
 
 
 
Porque demolhar os frutos secos?
 
Os frutos secos têm substâncias (como os fitatos), que inibem algumas enzimas e impedem a semente de crescer até que todo o ambiente em seu redor lhe propicie a água, luz e nutrientes necessários. Além disso, essas substâncias dificultam o processo digestivo e de absorção de minerais e proteínas.

A água vai destruir essas substâncias e permitir que as enzimas da planta entrem em acção e que esta germine. Desta forma a semente encontra-se disponível para absorver uma série de nutrientes que de outra forma não absorveria.

Ao demolhar, estamos a tornar a digestão do fruto mais fácil e a possibilitar que haja uma libertação maior de nutrientes, como proteínas e vitaminas B e C (que é produzida somente quando a semente germina).


Como demolhar frutos secos?
 
É muito simples! Para demolhar, basta deixar os frutos secos num recipiente com água abundante durante algumas horas (eu costumo deixar durante a noite). Depois, basta escorrer bem e passar uma última vez por água abundante.

Nota: A água usada para demolhar não deve ser aproveitada, visto que é nela que estão concentradas as substâncias que eliminámos durante o processo.



Trufas de caju e cenoura
Sem glúten, sem açúcar, raw
Tempo de preparação: 15 minutos
Rende 12 unidades (aprox.)
 
Ingredientes
1 chávena/cup de cajus crus
100 gramas de tâmaras
1 cenoura média, ralada
1 colher de chá de canela
½ colher de chá de gengibre
2 colheres de sopa de geleia de agave ou outro adoçante natural da sua preferência
Sementes (chia, papoila, sésamo) e coco ralado, a gosto


Preparação

1. Num processador de alimentos, trirure bem os cajus
 
2. Junte as tâmaras (descaroçadas), a cenoura ralada, a canela, o gengibre e a geleia de agave

3. Triture tudo novamente, até obter uma massa homogénea e moldável

4. Faça pequenas bolinhas com as mãos e polvilhe com sementes ou coco ralado, a gosto

 

5. Leve ao frigorífico até à hora de servir (opcional)

 

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2