Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cozinha Verde

A Cozinha Verde, da autoria de Filipa Range, tem como principal missão inspirar os portugueses a adotar hábitos alimentares mais saudáveis, ecológicos e compassivos, através da cozinha vegan.

Qua | 22.05.19

O nosso voto conta! Vamos sentar o Planeta em Bruxelas!

Livro-da-Vida-Conceito-de-Ecologia-e-Ambiente.jpg

 

Não me canso de falar do impacto que as nossas escolhas e ações diárias (alimentares mas não só) têm no futuro do nosso Planeta. Já escrevi um pouco sobre isso aqui. Como mãe, preocupa-me especialmente o impacto de toda esta crise climática no futuro do meu filho (e de todas as gerações vindouras) assim como na vida de todas as espécies que (ainda) habitam no nosso Planeta. Que futuro nos espera se continuarmos a consumir e a destruir os nossos recursos desta forma desenfreada, sem olhar a meios para atingir os fins? 

 

No domingo é dia de eleições europeias e hoje escrevo sobre a importância de exercermos o nosso direito (e dever cívico) de voto. Estas eleições contam sempre com níveis de abstenção elevadíssimos. Podem ser várias as razões que nos levam a abdicar do nosso direito de voto: o desconhecimento, o descontentamento ou mesmo aquele sentimento de que "o meu voto não fará diferença". Seja qual for o motivo, o impacto desta escolha tem graves repercussões. O nosso voto faz sempre a diferença! É uma forma de sermos parte ativa da sociedade, de mostrarmos o nosso descontentamento e de exigirmos mudanças. Se não votarmos, estaremos a perpetuar uma realidade que não queremos e com a qual não nos identificamos.  

 

2019-05-22 10.55.24 1 (1).jpg

 

No dia 26 de Maio eu voto PAN e faço figas para que consigamos finalmente um eurodeputado português ambientalista em Bruxelas. Porque mais do que um partido político com assento parlamentar na AR (com 1 único deputado!!), este é um partido de causas e distingue-se pela sua posição partidária. Não é um partido de direita ou de esquerda. E acima de tudo, incentiva a participação ativa de todos os cidadãos na sua política. Não cedem a lobbies e têm uma comunicação clara, transparente, sem floreados. 

Tenho imenso orgulho em pertencer a esta família e acompanho de perto todo o percurso que têm feito nos últimos anos. Confio no trabalho do André Silva (que tão bem se tem safado como deputado único na nossa AR) e de toda a sua equipa. Confio igualmente no Francisco Guerreiro, candidato ao Parlamento Europeu, e que tenho a certeza que tudo fará para garantir que a proteção e preservação do ambiente (bem como de todos os que nele habitam, humanos e não humanos) sejam uma prioridade em Bruxelas.

Se tiverem curiosidade, podem ler aqui as mais de 200 medidas que o PAN quer levar para o Parlamento Europeu. 

 

Nota 1: Este post demonstra apenas a minha posição política enquanto cidadã. Escrevi-o com o objetivo de alertar para a importância de exercermos o nosso direito de voto, não só em eleições nacionais mas também nas Europeias. Porque as medidas implementadas na UE têm impacto direto na política nacional, na nossa vida e no nosso Planeta. 

 

Nota 2: Este ano houve algumas mudanças na lei eleitoral, nomeadamente:

- Os eleitores passam agora a ser identificados pelo número de identificação civil, pelo que não precisam do número de eleitor. Para saberem qual o vosso local de voto podem consultar este site ou enviar uma mensagem gratuita para o número 3838 com a seguinte mensagem: "RE (espaço) número de CC-BI (espaço) data de nascimento (assim ordenada: ano, mês, dia).

- Todas as mesas de voto passam finalmente a disponibilizar uma matriz de voto em Braille para os eleitores com deficiências visuais (um bom exemplo de uma das medidas apresentadas pelo PAN na nossa Assembleia).

 

E vocês, vão votar no domingo? 

 

 

4 comentários

Comentar post