Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cozinha Verde

A Cozinha Verde, da autoria de Filipa Range, tem como principal missão inspirar os portugueses a adotar hábitos alimentares mais saudáveis, ecológicos e compassivos, através da cozinha vegan.

Qui | 25.09.14

Bolachas integrais de guaraná com mel de cana


 

Hoje trago-vos umas bolachas integrais energéticas e nutritivas. A canela já conhecemos bem, mas já ouviram falar dos benefícios do guaraná e do melaço? 

 

 

Guaraná


O guaraná, proveniente do Brasil, é uma das plantas mais ricas em cafeína! Estimulante e renovador, contribui para o aumento da resistência física e mental, retardando a fadiga e aumentando a rapidez e clareza dos pensamentos. 

 

Para além disso, estimula o apetite, combate o envelhecimento precoce, ajuda o organismo na desintoxicação do sangue, regula o ritmo cardíaco, combate a obesidade, a dispepsia (dificuldades digestivas) e a arteriosclerose. 

 

A planta do guaraná, considerada como adaptogénia (reforça o organismo), é utilizada para tratamento de enxaquecas e nevralgias, Também é utilizada como diurético e anti-diarreico.

 

Deve ser consumido com moderação, respeitando as doses diárias recomendadas (cerca de 1g/dia), visto que o seu consumo em excesso pode provocar alguma dependência, assim como o café.

 

Nota: Não deve ser consumido por mulheres grávidas ou a amamentar. 

 

 

Melaço de Cana


O melaço de cana funciona com um substituto do açúcar, e pode ser usado como adoçante em bebidas ou na elaboração de doçaria e pastelaria. É obtido a partir da cana de açúcar, sendo esta esmagada entre rolos e posteriormente comprimida de forma a libertar o sumo. 

 

Ao contrário do açúcar refinado, vazio de nutrientes, o melaço é um produto bastante energético e uma boa fonte de cálcio, magnésio, potássio e ferro. 

 

 

Bolachas integrais de Guaraná e Canela

Rende aprox. 15 bolachas

Tempo de preparação: 25 minutos

 

 

Ingredientes

1/4 chávena (cup) de açúcar integral de cana (mascavado)

1/2 colher de chá de bicabornato de sódio

1 colher de chá de canela em pó

1 colher de chá de guaraná em pó

uma pitada de sal marinho integral

2 a 3 colheres de sopa de melaço de cana

1/4 chávena (cup) de azeite extra virgem (ou óleo de girassol prensado a frio)

1 colher de sopa de sementes de linhaça moídas (misturar numa taça a linhaça com 3 colheres de água e reservar)

1 chávena (cup) de farinha de espelta integral

 


 

Preparação:

 

Pré-aquecer o forno a 180º.

 

Numa taça, junte o açúcar de cana, o bicabornato, a canela, o guaraná, o sal, o melaço, o azeite e a linhaça, e mexa bem com uma vara de arames. Junte a farinha e envolva, até formar uma massa consistente.

 

Com as mãos, molde pequenas bolinhas, até terminar a massa, e disponha-as num tabuleiro forrado com papel vegetal. 

 

Leve ao forno entre 12 a 15 minutos, até as bolachas aumentarem de tamanho e dourarem.

 

Retire do forno e deixe arrefecer completamente.

4 comentários

Comentar post